sábado, 3 de outubro de 2009

Uma cidade das pessoas [ I / III ]

Ponte 25 de Abril O modelo de governação que propomos assenta na dimensão humana das políticas para a cidade.

Não queremos uma cidade, igual a tantas outras, obcecada com a criação de mais-valias e, consequentemente, sujeita a grande pressão urbanística e especulação. Pelo contrário, queremos conforto, segurança e solidariedade. Queremos reconstruir e valorizar o espírito de bairro, estimular o “sentimento de pertença” entre os cidadãos e o seu bairro.

Numa cidade das pessoas, a cultura, a criação e o património são valores estruturantes, não apenas porque garantem o direito à identidade e à memória, mas porque são factores de mudança e futuro. A cidade das pessoas é solidária e inclusiva, e integra e qualifica todos os seus habitantes, valoriza as diferenças e acolhe as diversidades culturais, étnicas e sexuais e incentiva a liberdade de escolha dos modos de vida. Uma cidade activa e saudável, que permite a todos fruir espaços de qualidade e condições naturais particulares.
LNT
[028/2009]

Referências:
Apelo Voto - Referências
->
Programa de governo para Lisboa ≡ pdf
-> Unir Lisboa ≡ Site Oficial

Sem comentários: